2 de fev de 2010

Contrastes: A grande aprovação de Lula e seu fracasso nas "telonas"

Sempre fiquei com o pé atrás com toda essa aprovação de Lula. Mas não desconfio da veracidade das pesquisas não. Fico pensando como os pesquisadores abordam os entrevistados, quais suas metodologias, qual o conteúdo do questionário. Penso que as pessoas aprovam o presidente pelo clima de otimismo e ufanismo transmitido pelo barbudo, pela imprensa e, claro, pelo os "bolsas" assistencialistas, que acho que deva existir sim, mas como complemento de uma, como é que dizem os esquerdistas mesmo? Emancipação.

Ora, com toda essa aprovação quase absolutista do povo brasileiro, o filme de Lula seria um sucesso de bilheterias, certo? Sim, se a aprovação de Lula pelo povo, fosse algo genuíno dele mesmo. Mas tudo não passa de um clima de prosperidade fabricado pelos asseclas do petismo infiltrados na tevê e pela enorme talento do presidente em falar a "língua" do povo.

Toda a sociedade gosta mesmo de ver Lula nos palanques com seus discursos de caboclos, índios e pobre. É mais uma realização do próprio "povo" ver alguém parecido com ele no mais alto poder do Brasil. No entanto os pobres brasileiros ainda continuam com aquele velho jargão: "me engana que eu gosto!". Pois, o povo sabe que o país deu alguns passos pra frente, mas a evolução não chegou as suas casas como emplacou na economia.

Arrematando: a aprovação de Lula não passa de simpatia com a figura do presidente nordestino, operário, cachaceiro e analfabeto. De resto ninguém morre de amores por Lula a ponto de ir ao cinema ver sua estória. Todos preferem Alvin e os esquilos.

Nenhum comentário: