25 de mar de 2010

Programa do Ratinho: Vídeos do debate sobre a lei da mordaça gay

Existe um pensador brasileiro, e isto está raríssimo hoje em dia, que dizia o seguinte: “Como pode convencer a outrem quem não sabe expressar o que pensa? Quem não é senhor do que pensa, como pode ser senhor do que diz?
A verdade é que políticos, ex graças a Deus, como a professora Iara Bernardes não pensam exatamente o que militam. Por isso levou um banho de Silas Malafaia. Ele sim (!) tem convicção de suas palavras, por isso diz com tanta precisão, por isso convence. A verdade é que ninguém, nem mesmo os homossexuais mais inocentes crêem nas boas intenções desse projeto de lei. Tudo não passa de vaidade do Sr. Luiz Mott. Não é a conquista que os faz ir em frente de toda essa empulhação do movimento gay, é apenas a vaidade que o poder lhes proporciona, é a vontade de ver até onde a sociedade entra nesse jogo sujo da imoralidade.
É acima de tudo, um ataque e o plano de destruição da Igreja de Cristo. Enquanto isso devemos convencer o próximo de que Cristo é o caminho. Todo o resto, como dizia Salomão, é vaidade.
Neste vídeo, editado por Paulo Teixeira (responsável pelo site holofote.net), vemos um militante de uma causa que ele desconhece e isso acabou empobrecendo o debate. Não foi como no debate anterior em que a idealizadora da lei, que ainda não é lei, foi refutada a cada argumento por ela apresentado. Enquanto à Rosana Star, peço apenas que orem por ela, pois ela/ele (?) não sabe o que diz. Assistam ao vídeo. 

Nenhum comentário: