20 de abr de 2010

Brasil Bandido

“Eu disse para o Celso [Amorim], você precisa tomar cuidado porque Brasil começou a ficar importante. Quando o país fica importante gera ciúmes e começa a ganhar inimigos”, afirmou Lula.


No Financial Times de hoje, o articulista John Paul Rathbone faz uma síntese de como o país está sendo visto no mundo. Título do seu artigo: “Brazil’s cuddly ways are barrier to seat at the top table”. Em tradução livre, mas exata, poderia ficar assim: “Jeitinho carinhoso do Brasil o impede de chegar ao topo”. Ou ainda: “Jeitinho grudento do Brasil o impede…” Ou ainda: “Essa mania de ficar abraçadinho com todo mundo…” Ou ainda: “Essa falta de caráter…”


Seja como for, a política externa brasileira é caracterizada como aquilo que é: uma soma de trapalhadas que contrasta com o tamanho da economia e com sua efetiva importância no mundo. E, vocês notarão, a palavra “megalonanico”, esta imoral criação, também ganhou o mundo. 


Fonte: Reinaldo Azevedo

Nenhum comentário: