18 de jun de 2010

Comunista gosta mesmo é do capitalismo. E quem não gosta?

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, reservou a parte da manhã da quinta-feira, 17, seu terceiro dia em Paris, para fazer um demorado passeio pela Avenida Champs Elysées, onde olhou vitrines das lojas mais famosas do mundo. Ao chegar à Galeria Arcades des Champs, entrou em uma farmácia e comprou uma escova de cabelos.

Dilma caminhou também pelos arredores do Arco do Triunfo, logo depois do fim da Champs Elysées, próximo a outras avenidas que confluem ali, como a Friedland e a Grande Armée. Ela vestia jeans e agasalho preto e calçava tênis branco. Em todos as aparições públicas da ex-ministra, ela exibiu um tipo de combinação de roupas diferentes. Estadão




No hotel em que Dilma ficou todos esses dias – o Champs Elysées Plaza –, um cinco estrelas em que as diárias variam de 390 a 2,2 mil, os repórteres foram proibidos de entrar.

Nenhum comentário: