18 de jun de 2010

El País destaca corrupção na campanha à presidência da ex-guerrilheira Dilma

Dilma e o PT usam a máquina pública para passear na Europa, posar em fotos com chefes de Estado. No entanto, não vemos, como esperavam os petralhas, líderes de nações do primeiro mundo recomendar Dilma Roussef aos brasileiros, parecem mais incomodados ou indiferentes com a presença sem importância da candidata.

Na campanha, com certeza a edição terá pouco a extrair das visitas, suponho que as nossas custas, para um vídeo forjado de que Dilma tem o aval do mundo para governar este Brasil. Lembram daquele vídeo-montagem em que Lula era aplaudidíssimo pelos líderes na ONU? Será tudo no mesmo naipe.

Mas, as visitinhas de Dilma parecem render mais incômodos. Por exemplo, em Paris o jornal francês Le Mond destaca a candidata Dilma a corrupção e obras que não saíram do papel. Em entrevistas, Dilma piora sua situação com a sua falta de traquejo, pensamentos desconexos e gagueja no pensamento e no falar. Agora, no El País, o maior jornal da Espanha, outra vez o que é matéria veiculada são os atos de corrupção e espionagem cometidos por integrantes de sua campanha.

Nos países em que Dilma passou, ficou a vergonha que sentimos do Brasil. Nunca antes na história deste país tivemos uma candidata tão despreparada e uma campanha mergulhada em corrupção como hoje.

Nenhum comentário: