30 de jul de 2010

Assessora de Marina Silva no Senado é flagrada fazendo campanha durante expediente em Bauru (SP)

Uma funcionária lotada no gabinete no Senado da candidata a presidente pelo PV, Marina Silva, fez nesta quinta-feira, durante período de expediente, uma palestra para pastores sobre como conseguir votos entre evangélicos, em Bauru, interior de São Paulo. Jane Maria Vilas Boas é assistente parlamentar.

Do mesmo modo que o Movimento Marina fez uma estratégia com os jovens, a comunidade cristã evangélica está fazendo a mesma coisa
A palestra aconteceu pouco antes de Marina ter um encontro com os mesmos pastores, na sede do Conselho dos Pastores Evangélicos de Bauru e região.

Ao ser perguntada sobre o fato, em entrevista, a candidata verde, que é evangélica da Assembleia de Deus, argumentou que o movimento não tem vínculo formal com a candidatura.

- Do mesmo modo que o Movimento Marina fez uma estratégia com os jovens, de ter o seu portal, a comunidade cristã evangélica, que me apoia como cidadãos (sic), está fazendo a mesma coisa. Mas é movimento independente (da campanha).

A presidenciável acrescentou que "graças a Deus, não está usando os púlpitos para fazer campanha".

Informada que a palestrante distribuiu um cartão de visitas com o logotipo do Senado, e prometeu que a candidata faria uma ligação para que os pastores atingissem metas de fiéis cadastrados, Marina disse:

- É uma pessoa, sim, ligada ao meu gabinete, mas que dia é hoje?

Quinta-feira, responderam os repórteres.

- Ela (a funcionária) veio aqui e já voltou para o Senado. Veio de noite, ficou e foi cedo para poder trabalhar - argumentou.

Depois, Marina afirmou que Jane, funcionária comissionada no Senado desde maio de 2008, será exonerada.

- Tenho feito questão de ter uma atitude de muito respeito. Tenho duas pessoas que trabalham comigo e foram exoneradas (do Senado, para trabalhar na campanha). Foi escolha feita por mim e por eles para que pudéssemos fazer a campanha com todo o respeito à ética pública.

Nenhum comentário: